siga-nos!
Youtubeadicionar aos favoritosRSSPartilhar

ENCONTRO “CANDIDATURA DA ARRÁBIDA A RESERVA DA BIOSFERA”

1 1 710 2500
2016/04/14

14 DE ABRIL |AUDITÓRIO DA ESCOLA DE HOTELARIA E TURISMO DE SETÚBAL

O encontro realizado no passado dia 14 de abril, no auditório da Escola de Hotelaria e Turismo de Setúbal, foi o palco para a apresentação pública da Candidatura da Arrábida à Reserva da Biosfera, numa iniciativa onde a Associação de Municípios da Região de Setúbal, em parceria com os municípios de Setúbal, Palmela e Sesimbra e o ICNF – Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, deram a conhecer as principais diretrizes deste novo processo aos mais de uma centena de pessoas presentes, representantes de diversas estruturas activas da região e individualidades persentes.


Na sessão de abertura presidida pela Secretária-geral da AMRS, Fátima Mourinho, intervieram a Presidente da Câmara Municipal de Setúbal, Maria das Dores Meira, o Presidente da Câmara Municipal de Palmela, Álvaro Amaro, a Vice-Presidente da Câmara Municipal de Sesimbra, Felícia Costa, a Presidente do Conselho Diretivo do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), Paula Sarmento, e o Presidente do Conselho Directivo da AMRS, Rui Garcia.


O encontro foi palco de vários contributos para o debate com intervenções sobre a “Arrábida e o conceito da reserva da biosfera”, a “experiência da Reserva da Biosfera, no caso do Paul do Boquilobo” e “Contributos para a Arrábida e a Biosfera” com a participação de João Afonso Luz, coordenação técnica da AMRS; Anabela Trindade, Presidente do Comité Nacional do Programa Man & Biosphere; Elizabeth Silva, responsável pelo Setor das Ciências da Comissão Nacional da UNESCO; Mário Antunes, Gestor da Reserva da Biosfera do Paul do Boquilobo; Jorge Humberto Silva, Diretor do Departamento Operacional da Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa; Natália Henriques, Coordenadora da ADREPES - Associação de Desenvolvimento Regional da Península de Setúbal; Pedro Dominguinhos, Presidente do Instituto Politécnico de Setúbal.

 imagemimagemimagem

Neste debate todos foram unanimes em afirmar a importância deste projecto identificando a necessidade de valorização do património natural e cultural da Arrábida, dando a este território um reconhecimento internacional, potenciando a sua afirmação.
A atual candidatura visa compatibilizar o património existente com a atividade humana, surgindo enquadrada no âmbito do Programa “Homem e a Biosfera” (Man & Biosphere) criado em 1971.


Este processo coordenado pela AMRS, em parceria com os municípios de Setúbal, Palmela e Sesimbra e o ICNF, mereceu nesta iniciativa a formalização através da assinatura de protocolos de colaboração visando a elaboração da Candidatura da Arrábida a Reserva da Biosfera.


Para além da apresentação das principais linhas orientadoras a seguir para materialização da candidatura a apresentar à UNESCO, o evento pretendeu ser um fórum de reflexão e promoção do conceito de reserva da biosfera, assim como uma partilha de conhecimentos e de cooperação entre os presentes.

A realização deste encontro, assim como o número de participantes, demonstrou não apenas a importância da serra da Arrábida no contexto da Região de Setúbal e do País, mas também a afirmação de uma oportunidade que visa contribuir para a promoção, preservação e valorização da Arrábida.

 

Consulta a Página Facebook Arrábida Biosfera ---»