siga-nos!
Youtubeadicionar aos favoritosRSSPartilhar

Municípios da Região de Setúbal Tomam Posição sobre Aeroporto de Lisboa

13fev2017 1 710 2500
2017/02/13

A Associação de Municípios da Região de Setúbal e os Municípios seus associados reuniram hoje, dia 13 de Fevereiro, nos Paços do Concelho de Alcochete, afirmando a sua posição sobre o tema “Novo Aeroporto de Lisboa”.

Os Municípios de Alcochete, Almada, Barreiro, Moita, Palmela, Seixal, e Sesimbra assumiram na conferencia de imprensa, realizada no seguimento da reunião onde participou também o Município do Montijo, que a opção que o Governo prepara para apresentar ao País, opção pela Base Aérea nº 6 no Montijo, não é a solução mais adequada nem para o país nem para a região, mas sim uma solução é limitada na sua capacidade e consequentemente na sua duração. Uma opção que para a Região, pode significar perder o acolhimento de um equipamento estruturante, capaz de um impulso determinante ao seu crescimento económico, substituindo-se por uma outra, com um investimento comparativamente diminuto, que se aponta como meramente complementar do Aeroporto da Portela.

Para a Região, o resultado da instalação deste terminal no Montijo é, previsivelmente, bastante reduzido, seja ao nível da criação de emprego, seja no que respeita à atração de investimento ou à ligação ao tecido económico local, uma vez que o que é apontado para o Montijo não é mais que um terminal de passageiros, vocacionado preferencialmente para as companhias low cost, com ligações rápidas a Lisboa.

Para os Municípios o que é necessário para o País e Região é a construção do Novo Aeroporto de Lisboa no Campo de Tiro, opção que responde às necessidades atuais e futuras de Portugal relativamente ao tráfego aéreo, de passageiros e de mercadorias.

Consideram os Municípios que a construção do Novo Aeroporto de Lisboa na nossa Região, associada à concretização progressiva dos investimentos estruturantes planeados e acompanhada de uma política assente na dinamização do investimento e da produção nacional, contribuirá não só para o crescimento económico, o aumento do investimento e do emprego e o desenvolvimento da Região, como é de vital importância para o crescimento e o desenvolvimento do País.

Os Municípios, que consideram inaceitável que as decisões sobre um projeto desta importância e de grande impacto sobre a Região estejam a ser preparadas sem o envolvimento e auscultação dos Municípios, anunciaram a solicitação de uma audiência ao Sr. Primeiro-Ministro com o intuito de apresentarem diretamente a sua posição sobre esta matéria.

Nota: O Município de Setúbal não podendo estar presente na reunião e conferência de imprensa fez chegar uma nota à AMRS afirmando a sua concordância e subscrição da posição tomada pelos restantes municípios.

 

Posição Municípios sobre NAL

 

Ver Video da Conferência de imprensa