siga-nos!
Youtubeadicionar aos favoritosRSSPartilhar

Webinar sobre Política Europeia de Coesão – Resultados e Futuro

Imagem destaque 1 710 2500
2021/03/26

Decorreram nos dias 24 e 25, Webinars promovidos pela ADREPES - Associação de Desenvolvimento Regional da Península de Setúbal, no âmbito da DG Região da União Europeia, onde foram feitas reflexões sobre a aplicação regional da Política Europeia de Coesão.

O 1.º Webinar, realizado no passado dia 24 de março foi dedicado ao Desenvolvimento Local de Base Comunitária (DLBC) Costeiro na Península de Setúbal, que é consubstanciada através de três fundos – Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos e das Pescas (FEAMP), Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) e Fundo Social Europeu (FSE), operacionalizados através do Programa Operacional MAR 2020 e Programa Operacional Regional (POR) Lisboa 2020.

Esta sessão contou com a presença de Dina Ferreira, da Autoridade de Gestão do Mar, que apresentou um balanço do Programa Operacional MAR 2020 e de Natália Henriques, da Adrepes, que por sua vez apresentou um balanço do DLBC Costeiro da Península de Setúbal, tendo sido sublinhando, que das 77 candidaturas propostas ao Grupo de Ação Local (GAL) ADREPES Costeiro, 47 foram aprovadas, totalizando 5,9 M de investimento e 3,2 M de financiamento, tendo sido criados para o efeito cerca de 70 postos de trabalho.

Teresa Almeida, Presidente da CCDR-LVT, esteve presente nesta iniciativa abordando o tema “Política Europeia de Coesão - resultados e futuro na Área Metropolitana de Lisboa”.

O 2. º Webinar, realizado no dia 25 de março à tarde, foi dedicado ao Desenvolvimento Local de Base Comunitária (DLBC) Rural na Península de Setúbal, que inclui o financiamento de FEAMP, FEDER e FSE, provenientes respetivamente do Programa de Desenvolvimento Rural (PDR) 2020 e do Programa Operacional Regional (POR) Lisboa 2020. O balanço do PDR 2020 foi apresentado por Rui Rafael, da Autoridade de Gestão deste programa e a Diretora Executiva da Adrepes, a falar por sua vez, sobre o DLCB Rural na Península de Setúbal. Natália Henriques referiu que das 276 candidaturas propostas ao GAL ADREPES Rural para o período de programação 2014-2020, 165 foram aprovadas, totalizando 8,85 M de investimento e 4,94 M de financiamento, tendo sido criados para o efeito cerca de 94 postos de trabalho.

Imagem_DestaqueII

Esta sessão contou igualmente com a participação do Primeiro-Secretário da Comissão Executiva da AML – Área Metropolitana de Lisboa, Carlos Humberto de Carvalho, que abordou o futuro da Política Europeia de Coesão, na Área Metropolitana de Lisboa.

Nestas ações, moderadas por Sofia Martins, Secretária-Geral da AMRS, para além dos 81 participantes terem tido a oportunidade de verificar se os programas e estruturas de financiamento respondem às necessidades dos cidadãos e dos territórios de intervenção, puderam ainda participar nos respetivos espaços de debate.

Segundo Joaquim Carapeto, Presidente da ADREPES, que este ano celebra o seu 20º aniversário, é a única entidade gestora a nível nacional com os três Grupos de Ação Local (GAL), contribuindo para o desenvolvimento rural, costeiro e social, tendo por base uma intervenção local participada e gerida pela comunidade, de acordo com os princípios LEADER, num território peri urbano, com assimetrias sociais, de grande diversidade paisagística e riqueza cultural.

Se pretender visualizar os vídeos referentes aos DLBC Costeiro e Rural, poderá fazê-lo através do acesso https://adrepes.pt/.